Deprê? Ozon nela!

É claro, nem todos os filmes de François Ozon são antídotos para a tristeza. Não vi “Time to leave”, mas imagino que seja de afundar até Pollyana num quarto escuro. Em compensação, “5X2”, “8 femmes” e até “Swimming Pool” são uma contenteza só. O francês se esbalda em graça com suas histórias surreais, diálogos hilários e aqueles característicos momentos musical-da-Broadway-que-não-conto-mas-adoro.

Ontem assisti ao mais recente, “Potiche”, que já saiu dos cinemas, mas está instantâneo no Netflix. Catherine Deneuve e Gerard Depardieu, nem preciso dizer, valem o filme. Ela, no papel de uma inofensiva dona de casa que se vê obrigada a assumir os negócios da família quando o marido tem um colapso nervoso. Daí é um pastelão só. É tão raro ver uma narrativa esculachada ser, ao mesmo tempo, ácida e divertida. Talvez justamente por se fingir despretensioso, até bobo, Ozon chega sem escalas ao coração.

One thought on “Deprê? Ozon nela!

  1. Adoro Ozon e até hoje não me perdoo por ter perdido a chance de ter visto esse filme num Festival de Cinema que por aqui passou… Agora, só em DVD mesmo… Já assistiu a um filme dele chamado “Angel”??? Um melodrama de primeira, que eu adoro!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s