Nowhere Boy

Este é um post sobre o filme “Nowhere Boy”. Só que antes de falar dele, preciso explicar como o DVD veio parar nas minhas mãos. Em Nova York existe uma instituição linda, em que a gente esbarra a cada esquina, e que põe abaixo qualquer desculpa para não ler.

Quantas vezes você já ouviu a ladainha “livro é muito caro”. No Brasil, é mesmo. E além disso, é dificílimo encontrar bibliotecas. Pois a NY Public Library cobre todo o território novaiorquino. E se você é preguiçoso ao ponto de não poder caminhar duas quadras (deve ter uma a menos de duas quadras da sua casa, se você vive em Manhattan), basta entrar no site e pedir para mandarem qualquer livro que você queira e ir buscá-lo na biblioteca mais próxima, quando puder. Ah! E é permitido pegar o livro em qualquer biblioteca da cidade e devolver em qualquer outra. Uma dádiva.

Para completar (agora entra “Nowhere Boy”) eles têm uma belíssima coleção de DVDs. Você pode levar para casa até dez de uma vez (para livros, pasmem, o limite é 50). Nunca havia alugado DVDs lá porque o Netflix já é demais para o meu coração. Mas na minha última passagem pela Library, “Nowhere Boy” ululava na minha frente. Trouxe ele e mais dois.

Sim, eu sou uma beatlemaníaca de carteirina. Sei todas as letras, histórias e vi a coleção do Anthology umas oito vezes. Mas é sempre bom renovar suas paixões. E foi isso que o filme me proporcionou. Retrata um Lennon antes de ser Lennon. Um adolescente rebelde, cheio de dilemas em relação à mãe, Julia (minha irmã se chama Julia em homenagem a ela, para vocês verem que a beatlemania é mal de família), e à tia, Mimi. O filme nos faz querer ouvir mais Beatles (não há nenhuma música da dupla Lennon e McCartney no filme, a não ser o acorde inicial de A Hard Day’s Night, logo na primeira cena) e conhecer ainda melhor a história da melhor banda que já existiu e que jamais existirá. Para quem não ama o quarteto tanto assim, o filme também vale a pena. É uma linda história.

Para colorir o dia, a versão de “Nowhere Man” do filme “Yellow Submarine”

One thought on “Nowhere Boy

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s